Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Marta Velha - Writer

Marta Velha - Writer

Amor de Deus! :) Francisco conversa com Dona Carminda

21.06.24, Marta Velha

…não deixes o ensinamento de tua mãe.

Provérbios 1:8

Livro 'Amor de Deus'

Podem comprar aqui: https://www.bubok.pt/livros/9075/Amor-de-Deus

Francisco puxou de uma cadeira e acenou a Dona Carminda para que se sentasse. Olhou para a velha senhora e agora que se fixava nela achava-a bem mais velha do que a última vez que a vira. O preto sempre fizera parte do seu vestuário. Francisco jurava mesmo que nunca a tinha visto vestida com outra cor.

     “-E então Dona Carminda, como estão a correr os trabalhos para a procissão? Apenas estes pequenos percalços, certo?”

     Dona Carminda ajeitou-se na cadeira. Olhou para Francisco. Estava tão parecido com o pai. Talvez um pouco mais moreno, mas de resto em todas as feições via o rosto de Paulo. Bonito, cabelo a tapar as orelhas. Com um sorriso nos olhos. Deixaria muitos corações partidos se não fosse padre.

     “-Eu sei que este ano não há tanto dinheiro, logo os luxos não podem ser muitos. Mas a comissão de festas também se podia ter esforçado um pouco mais. A nossa santa merece tudo!! Sempre participaste nas festas.” – Fixou o seu olhar no dele. “-A tua mãe fazia questão que vocês fossem sempre na procissão. Tu e o teu irmão. Naquela altura nunca imaginou que um dia participasses como padre da paróquia. Ela tinha desgosto nisso, sabes?” – Quase que lhe tocou no braço.

     “-Eu nunca compreendi a sua relação com a minha mãe… Por um lado achava-vos amigas há anos, por outro lado achava que entre vocês havia uma arrelia qualquer. Algo que nunca soube a razão. Às vezes ainda perguntava à mãe mas… Ela nunca me disse nada.”

 

AMOR DE DEUS.jpg